0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 LinkedIn 0 0 Flares ×

Conheça quais os principais canais do marketing digital para investir.

Uma das principais dúvidas na hora de começar um trabalho de marketing digital é: Quais os canais do marketing digital que se deve investir tempo e dinheiro?

Um dos segredos é não concentrar todos os seus esforços em um canal só e sim, dosar a sua atuação em todos aqueles que se enquadrem no seu perfil de público. Para então depois de um determinado período de tempo, quais trazem mais resultados para o seu negócio.

Vamos te ajudar a entender um pouco de cada um dos canais do marketing digital. Para que possa decidir o que se enquadra para seu negócio.

Vamos lá?

Canais do Marketing Digital - Site

Canais do Marketing Digital – Site

Site

Antes de comprar algum produto, contratar um serviço ou saber mais sobre alguma empresa você entra na internet?

A sua resposta provavelmente será “sim”. Segundo o Ibope Media, 92% dos internautas utilizam a grande rede para pesquisar sobre produtos e serviços antes de efetivar uma compra.

Por isso o site se tornou o canal mais importante e fundamental para o marketing digital. É o meio em que seus clientes buscam informação sobre a sua empresa, negócio ou serviço. Sendo a porta de entrada para qualquer ação do consumidor com a sua empresa no meio digital.

O seu site é a referência da sua marca no digital.

Seu mecanismo próprio de informação, ou seja, não depende de uma ferramenta (como as redes sociais, por exemplo) para que o seu cliente saiba sobre sua empresa.

Por meio dele, você estará:

  • Presente nos mecanismos de busca;
  • Terá controle de visitantes;
  • Contato direto com o seu consumidor;
  • Conseguirá analisar uma série de fatores que envolve desde a ação do produto até o comportamento do seu consumidor.
Canais do Marketing Digital - Blog

Canais do Marketing Digital – Blog

Blog

Outro meio indispensável no marketing digital é o blog. Com ele, a sua empresa pode se tornar autoridade no mercado em que atua, conectar-se com seu público e conquistar a confiança de possíveis clientes.
Você tem controle do conteúdo que vai ser publicado, o tom de voz a ser utilizado e de qual maneira vai abordar seu tema para promover seus produtos e serviços.

Duas ferramentas principais estão relacionadas ao sucesso do seu site ou blog:

  • SEM (Search Engine Marketing)

O Search Engine Marketing é uma especialidade do marketing online que coloca em destaque os sites e suas páginas individuais nas respostas dos grandes buscadores. (Google, Bing, Yahoo…)

  •  SEO (Search Engine Optimization)

Já o SEO é uma das principais práticas para melhorar sua posição na busca orgânica nos buscadores (Google, Bing, Yahoo…). Que envolve desde otimizar seu site, para carregar mais rápido, funcionar no celular por exemplo ou na criação de bons conteúdos para o seu blog.

Estes conteúdos, tem como base ações que podem ser tomadas, como pesquisas de palavras-chave para te ajudar a rankear para termos mais importantes, otimização do HTML do site, etc.

Tráfego Orgânico

O tráfego orgânico é quando uma pessoa busca por termos dentro de um site de busca como: Google, Yahoo! e Bing e encontra seu site de forma natural e orgânica (sem investimento em mídia). Como assim? Vamos lá.

Pense no seu negócio. Se você fosse buscar algo relacionado a ele na internet que palavras usaria?

São essas palavras que precisam estar presentes em diversas páginas no seu site para que os buscadores entendam que ele é relevante para aquilo que estão procurando.

O principal objetivo de sites como Google, é que seu usuário encontre aquilo que procura o mais rápido possível. Então, possuir conteúdos e construir páginas que tenham essas palavras é fundamental para um bom posicionamento orgânico.

Por isso a importância do SEO – Search Engine Optimization – um investimento em palavras-chave relacionadas ao seu negócio.  O tráfego orgânico é um dos canais mais difíceis de se alcançar, pois cabe ao buscador valorizar o seu rankeamento comparando aos outros sites.

Para que consiga essa valorização, você precisa deixa seu site “fácil” para o buscador entender que ele é relevante para quem está procurando por aquilo que você vende. Por isso é ideal que tenha um blog para fornecer um conteúdo relevante tanto de busca como de interesse do seu consumidor.

Você deve também se preocupar com o conteúdo de suas páginas, descrição dos seus serviços ou produtos, nomes das fotos presentes nas páginas além de outros detalhes menores, mas não menos importantes. O trabalho de SEO é complexo e seria preciso muito mais que um post para falar sobre ele, porém acho que já deu para ter uma ideia de qual o caminho para se conquistar um bom tráfego orgânico.

É um trabalho de médio à longo prazo e precisa ser contínuo, porém quando atingido o resultado é muito positivo.

Tráfego Direto

Quando o usuário digita www.nomedasuaempresa.com é o tráfego direto. O consumidor já conhece a sua marca, seu site e digita na barra de navegação o seu endereço online.

Tráfego de Referência

É quando o link do site da sua empresa ou algum conteúdo do seu site é utilizado como referência em outro site ou blog através de um link no conteúdo ou através de um post como convidado para outro site. Essa etapa também auxilia e muito a questão do tráfego orgânico citado acima.

 

Canais do Marketing Digital - E-mail

Canais do Marketing Digital – E-mail

E-mail

Muita gente acha que os e-mails estão com os dias contados… isso é um engano.

É claro que em marketing digital nunca podemos cravar nada em relação ao que acontecerá no futuro, mas é certo que hoje o e-mail marketing é um dos canais que mais converte venda. São a forma mais direta de fornecer informação sobre a sua marca.

Uma maneira de ter a atenção do seu consumidor para o seu conteúdo, seja ele promocional, textos, dicas e etc… Porém para se ter essa efetividade toda é preciso ter uma base de e-mails de pessoas que tem interesse em seu produto, marca ou serviço. Que seja uma base realmente qualificada.

Para isso deve-se realizar um trabalho de captação de Leads (e-mails) qualificados. Isso pode acontecer através de um blog que possua conteúdos relevantes e que os consumidores queiram assinar uma newsletter para receber esses conteúdos, ou então você pode fazer uma promoção onde o consumidor ao dar o e-mail ganha um valor X de desconto entre outras estratégias de captação de e-mails.

Se você tem uma base qualificada, interessada em receber seu conteúdo, o e-mail pode ser um excelente canal pois é efetivo e o custo é baixo.

Mídia Paga

A Mídia Paga é basicamente qualquer lugar no ambiente digital em que você paga para o seu anúncio ou conteúdo aparecer, qualquer tipo de publicidade feita na internet. Ou seja, você cria um anúncio e paga para que algum tipo de veículo mostre sua campanha ou conteúdo aos usuários.

Conheça abaixo alguns deles:

Canais do Marketing Digital - Google AdWords

Canais do Marketing Digital – Google AdWords

Google Adwords:

é um sistema de anúncio do Google onde se paga por determinadas palavras-chave para aparecerem acima dos resultados de busca orgânica, com intuito de conseguirem cliques dos usuários e, consequentemente, atingirem os objetivos pelos quais o anúncio foi criado.

Saiba como iniciar uma campanha de Google AdWords AQUI

Ao investir nesta mídia você poderá aparecer nos seguintes formatos:

– Palavras-chaves do Google;

– Sites parceiros do Google com banners (Display);

– No Youtube (anúncios em vídeo ou banners);

– Google shopping;

– Google Plus;

– Google Maps.

Confira os principais indicadores de resultados do Google Ads: aqui

Canais do Marketing Digital - Social Ads

Canais do Marketing Digital – Social Ads

Social Ads:

são anúncios realizados nas redes sociais. Facebook, Instagram, Twitter, LinkedIn e etc. São ótimos canais para atrair público qualificado para seu site. Neles você pode segmentar seus anúncios para pessoas que são o seu público alvo por meio de interesses, dados demográficos e geográficos como formação, faixa etária, cidade que mora.

Isso é possível porque a ferramenta utiliza informações do comportamento do usuário, páginas que ele curte, pessoas que segue, características descritas no perfil como idade, sexo, entre outras informações. Assim é possível criar segmentações com públicos personalizados e extremamente qualificados.

Confira os primeiros passos para uma campanha de Facebook Ads aqui

Social

O principal objetivo desse formato é estreitar a relação dos consumidores com a marca. Informar, entreter e criar identificação do consumidor com a marca podem ser uma forma muita efetiva de conseguir resultados e relevância dentro do mercado que você atua.

O principal desafio é levar o seu consumidor do social para um meio próprio exemplo: site ou blog. Por isso, saber juntar a estratégia com o conteúdo fornecido é a garantia de sucesso dentro do marketing digital.

Leia aqui como gerar um conteúdo de qualidade nas redes sociais.

Separamos algumas dicas para lhe ajudar a entender qual o tipo de distribuição será mais adequado para sua empresa. Confira:

  • Avalie o Mercado: analise a concorrência, veja os canais utilizados e a forma que são trabalhados.
  • Entenda o Seu Consumidor: saiba as características, comportamentos e necessidades, frequência de compra.
    Onde se localizam, como é o processo de compra do produto ou serviço.
  • Determine o que o seu produto/serviço soluciona de problema para o consumidor.

O marketing digital é um dos meios mais completos, porém para se ter efetividade deve-se ter um planejamento de ações. Saber interpretar os dados e analisar qual canal está trazendo mais retorno.

Grandes empresas estão migrando para o marketing digital devido aos resultados impressionantes.

Se a sua empresa ainda não investe em marketing digital é hora começar a considerar seriamente.